11 fevereiro 2015

Playlist de Janeiro

Oi gente, eu não morri ou fugi do país, estava apenas em um período de estudos (em janeiro?!) para passar em um concurso. Mas agora os estudos acabaram e o blog vai voltar a ter suas habituais postagens. E para começar temos a playlist de janeiro, que não teve muitas músicas, mas pelo menos teve qualidade.

No começo do ano, de tanto assistir uma certa propaganda de cerveja na internet, acabei me apaixonando pela música que tocava nela. E para piorar também me encantei pela música da concorrente.

Audrey Napoleon - My Sunrise


Tropkillaz - Baby Baby


Ainda na vibe de músicas eletrônicas, acho que isso tem algo a ver com o fato de ter começado o ano curtindo show do Guetta, temos Afrojack e Martin Garrix.

Afrojack & Martin Garrix - Turn Up The Speakers



Como já disse anteriormente, sou muito fã de reality musical, assisto todos que existem e foi assistindo um deles que conheci "Bars & Melody", uma dupla de dois garotinhas que cantam muito e que tem uma estória de vida muito triste. Gostei muito deles na época do programa e quando vi que eles gravaram um clipe, fiquei muito feliz e já me apeguei a música.

Bars and Melody - Hopeful


Nessa mesma onda mostrando que eu sou fofinha e acabando com a minha imagem de menina do rock (de vez), eu também me viciei em "Steal my Girl" do One Direction. E escutando essa música eu entendi porque as menininhas são loucas por eles, afinal falar que a garota dele é tão incrível que todos querem roubá-la é bem fofinho.

One Direction - Steal My Girl


Uma banda que eu gosto muito é o McFLY, lembro que me encantei por eles assistindo "Sorte no Amor", e desde lá gostava do trabalho deles. Recentemente eles lançaram um novo trabalho em parceria com a Busted e AIMEUDEUS! Como é viciante. Não canso de cantar e ouvir "Air Guitar".

McBusted - Air Guittar


Continuando ainda no clima de show do Foo Fighter esse mês me apeguei a mais duas músicas dos caras. Escutei no repeat: "Walk" e "The Pretender". E preciso dizer que eles ao vivo não deixam nada a desejar, pelo contrário, são mais fodas.

Foo Fighters - Walk


Foo Fighters - The Pretender



A minha música queridinha do mês, com toda certeza,  é a incrível "Elastic Heart" da Sia. Gente o que é essa música, a letra é maravilhosa, o arranjo e o clipe, tudo muito genial. A Sia com esse novo CD tá mostrando que é mais que uma compositora maravilhosa.

Elastic Heart - Sia


Esse mês estréia "Cinquena Tons de Cinza', que como filme pode até ser uma bosta, mas no quesito trilha sonora já conquistou meu coração. E duas músicas em especial já me ganharam de cara.

The Weeknd -Earned It


Love Me Like You Do - Ellie Goulding


E por último mas não menos importante, eu voltei a ouvir Marina and The Diamonds, eu tinha me esquecido o quanto a voz dela é deliciosa. Mas foi só escutar "Teen Idle", para que eu me lembrasse e viciasse na música.

Teen Idle - Marina and The Diamonds


Meu mês de janeiro não foi muito musical, mas valeu a pena. Podem deixar que blog vai voltar a ativa e teremos muitos posts.

Até o próximo post!

09 fevereiro 2015

Resenha: Simplesmente Acontece

A resenha de segunda está de volta, vou falar do livro mais recente da Cecelia Ahern que ganhou uma adaptação cinematográfica. 


Sinopse: "O que acontece quando duas pessoas que foram feitas uma para outra simplesmente não conseguem ficar juntas? Todo mundo acha que Rosie e Alex nasceram para ser um casal. Todo mundo menos eles mesmos. Grandes amigos desde criança, eles se separaram na adolescência, quando Alex se mudou com sua família para os Estados Unidos. Os dois não conseguiram mais se encontrar, mas, através dos anos, a amizade foi mantida através de emails e cartas. Mesmo sofrendo com a distância, os dois aprenderam a viver um sem o outro. Só que o destino gosta de se divertir, e já mostrou que a história deles não termina assim, de maneira tão simples."

Se você olhar  a minha estante de livros vai descobri que eu não sou chegada em livros de romance, mas fiquei com uma vontade louca de ler "Simplesmente Acontece", da Cecelia Ahern, a mesma autora que escreveu P.S Eu Te Amo. Porque uma menina que quase não lê romances iria desesperadamente querer um livro que não tem nada a ver com seu estilo? bom, o fato de Lily Colin e Sam Caflin fazerem o par romântico no filme, pode ter sido o grande culpado.

Mesmo não sendo uma grande fã do estilo, preciso dizer que gostei demais da estória do livro, que ficou ainda mais interessante contada através de cartas, bilhetes, e-mails e mensagens. Parece que você está dentro da estória, vivendo todas aquelas situações. 

Quando eu comprei o livro para ler imaginava que seria uma coisa totalmente diferente, do que na verdade ele é. Eu pensava que seria triste demais, que a Rosie seria a amiga que ficou para trás e não progrediu na vida, mas "Simplesmente Acontece" é mais do que um romance água com açúcar que te faz chorar, ele é divertido, emocionante e delicioso de se ler.

Minha personagem preferida com toda certeza é a Rosie, ela é muito sem sorte, mas não deixa de ser divertida em nenhum momento. Adoro a maneira que ela gosta do amigo Alex, ali é mais do que sentimento carnal é uma amizade verdadeira que virou amor. O Alex também é adorável, mas tive um pouco de implicância com algumas decisões do moçoilo. Mas preciso dizer que todas as personagens são ótimas e que vale a pena ler o livro para se divertir com elas.

Gostei muito da escrita, das personagens e da estória, porém teve duas coisas que me incomodaram: o tamanho do livro e o final da estória. Achei o livro muito extenso, então parecia que toda hora tinha que acontecer algum problema para que o casal não ficasse junto, no fim eles viveram tudo aconteceu. O final eu também achei bem sem graça, esperava mais e que ele acontecesse mais rápido. Mas a leitura foi bem prazerosa para o mês de janeiro, indico o livro sim e já quero ver o filme.

Boa Leitura!
Até o Próximo Post!
Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo